domingo, 31 de janeiro de 2010

"there never was a woman like gilda"


Facto: é realmente difícil que tenham existido muitas mulheres como Gilda. A mãe-natureza só de quando em vez traz a este mundo vulgar seres encantados como Rita Hayworth, que era beleza pura dos pés à cabeça. Não se trata, neste caso, de ser "bonita", "linda", ou qualquer um desses artifícios que normalmente usamos para rotular quem está para além do que é possível explicar. Gilda (porque será sempre Gilda) foi como o vento do deserto - implacável, mas viciante; se após a sua passagem nada fica impune, não deixa de ser impossível viver sem a sua brisa feroz.  

1 comentário:

Lála disse...

que fotos. ela é linda